Seguidores

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

No tempo do trem...

Estação Ferroviária de Pitangui ( década de 1950)
Acervo da Biblioteca Pública Municipal


"Velho maquinista com seu boné
Lembra do povo alegre que vinha cortejar
Maria fumaça não canta mais
Para moças flores janelas e quintais
Na praça vazia um grito um ai
Casas esquecidas viúvas nos portais"

Ponta de Areia (Milton Nascimento / Fernando Brant)



2 comentários:

  1. Interrogação

    se mineiro não perde o trem
    e se o trem não saiu da linha
    onde foi parar o trem de Pitangui?
    Por que não volta, nem que seja para ficar parado, frio, silencioso, sonhando com mãos que não mais acenam adeus?

    Em que fim de linha parou o trem de Pitangui?

    Estacionou na lembrança dos velhos?
    Está correndo no sangue dos moços?
    Espera, sonolento e cansado, o acordar das crianças?

    Emilio

    ResponderExcluir
  2. Emílio,
    penso que este trem deve estar esdtacionado em Divinópolis ou no museu ferroviário em Bom Despacho. Vamos em busca de informações.
    Abraços.

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar nossa postagem. Ah... não se esqueça de se identificar.