Seguidores

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Pistas sobre a "Entrada Real" de Pitangui

Vandeir Santos, pesquisador da história de Pitangui e amigo do blog, nos apresenta um material bastante interessante sobre a "Entrada Real" de Pitangui que reproduzimos abaixo:


-------------------------------------------------

A “ENTRADA REAL” DE PITANGUI

Silvio Gabriel Diniz em “Pesquisando a História de Pitangui” nos transcreve a topografia da Vila no início do séc. XIX e nos presenteia com preciosos detalhes que hoje nos permite entender como era a cidade naquele tempo. Os trechos abaixo nos mostra como se dava a entrada na Vila através da Estrada Real que partia de Sabará.

Pág. 199 “Rua de Santo Antonio Era a antiga estrada para a Vila, vindo-se do Brumado... Vinha essa terminar no Alto do Adão, onde se comunicava com a de João Cordeiro.”

Neste ponto vale lembrar o que está registrado no Livro de Guardamoria na página 19 (verso): “... a água do Ribeiro do Bromado, junto a estrada real, no açude...” (pág. 35)

Continuemos no trajeto de entrada na Vila através do 2º trecho representado pela Rua da Ponte de João Cordeiro, depois denominada de São José e atualmente chamada de Cel. João Carvalho.

Na petição que Manuel Mendes de Siqueira Bastos dirigiu ao senado em 1784 consta: ”... que ele é hoje senhor de umas casas novas, sitas na ladeira que desce para a Ponte chamada de João Cordeiro, estrada geral desta vila...” (pág. 197)

Ao descrever a Rua da Ponte de João Cordeiro, Silvio nos faz o seguinte relato: “Começava essa rua na ladeira situada entre o sobrado do Capitão Antonio Mendes da Silva e a casa de Manuel Mendes Siqueira, vindo da Rua do Pilar” (pág. 196)

A Rua do Pilar tem a seguinte descrição na pág. 204 “ Rua do Pilar – principia do largo de Santa Rita, subindo, e acaba na casa que faz esquina na rua São José.”

Se considerarmos que “A primitiva Casa da Câmara e Cadeia tinha a frente para o nascente. Ficava fronteira a Capela de Santa Rita.” (pág. 183 de PHP) e que “Seu núcleo (da vila) principal era a chamada Praça da Cadeia, onde foi levantado o Pelourinho na instalação da Vila e se construiu a primeira Casa da Câmara e Cadeia.” (pág. 179), chegamos ao ponto final da “Entrada Real” de Pitangui.

Portanto, quem quiser refazer o antigo trajeto de entrada na vila deve entrar pelo trevo do Bairro Santo Antônio, pegando a esquerda na Rua Santo Antônio, virar na 3ª a direita na Rua Coronel João Carvalho (Rua São José), percorrer cerca de 500 metros e virar a esquerda na rua Dr. Jacinto Álvares, chegando ao lado da matriz passa ser contra-mão para quem está de carro, sendo necessário contornar a igreja.A partir da esquina da matriz continuar no mesmo sentido indo até o final na esquina da Rua da Câmara com Rua Martinho Campos, onde então se localizava a Casa da Câmara e Cadeia, núcleo da Vila de Nossa Senhora da Piedade de Pitangui.



4 comentários:

  1. Este texto indica a provável entrada de Pitangui a partir do século XVIII.
    O Vandeir também me mandou uma imagem do google map, só que o blog não aceita...uma pena...

    ResponderExcluir
  2. São Gonçalo do Pará, apesar de não constar do texto, faz parte desta Estrada Real, ponto de paragem (São Gonçalo da Paragem Acima).

    Manoel.

    ResponderExcluir
  3. Oi Manuel,
    na verdade, o texto do Vandeir trta da entrada da cidade de Pitangui no período colonial, pois hoje a "entrada oficial" localiza-se no trevo próximo à rodoviária.
    Em relação à Estrada Real, sua informação é importante, pois é ainda obscuro o verdadeiro trajeto deste trajeto aqui em Pitangui.As informações sobre São Gonçalo do Pará são relevantes para que possamos laborar uma postagem sobre o tema. Fica aqui o convite:se quiser escrever algo sobre o tema publicamos por aqui com os devidos créditos.
    E por falar nisso, você nos permite publicar o "Portal Encantado" por aqui?
    Aguardo sua resposta.
    Abraço.

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar nossa postagem. Ah... não se esqueça de se identificar.