Seguidores

sábado, 1 de maio de 2010

Brasília 50 anos


No último dia 21 de abril, Brasília, a capital da esperança, completou 50 anos. A cidade planejada para existir foi construída pelo dinamismo do mineiro JK e pelo trabalho de brasileiros de todo o país.
"Deste Planalto Central, desta solidão que em breve se transformará em cérebro das altas decisões nacionais, lanço os olhos mais uma vez sobre o amanhã do meu país e antevejo esta alvorada com fé inquebrantável e uma confiança sem limites no seu grande destino"
Juscelino Kubitschek 1956

Cruzamento do Eixo Monumental com o Eixo Rodoviário, o Eixão, o ponto zero da cidade imaginada pelo urbanista Lucio Costa. 1957

Juscelino e Lúcio Costa - 1957

Debruçados na maquete da cidade que nascia, Oscar Niemeyer (à esq.), Israel Pinheiro, presidente da Novacap, Lucio Costa e Juscelino Kubitschek observam o avanço nas obras da Praça dos Três Poderes. Naquela altura, o Palácio da Alvorada já tinha sido inaugurado. 1958



Brasília vai muito além dos Três Poderes, é muito maior do que é mostrado nos noticíários políticos. A cidade que já nasceu pronta é reinventada diariamente pela sua gente, que trabalha, estuda, produz. Além de um céu deslumbrante, contado e cantado por poetas e músicos. Possui vida noturna agitada, manifestações culturais diversificadas e uma produção acadêmica de referência.

Brasília tem a identidade que nasceu da mistura, é um resumo do país, pois as tradições, crenças, sotaques, cores e sabores do Brasil se encontram na capital de todos os brasilieiros.


21 de abril de 2010

21 de abril de 2010

“Ninguém fica imune a Brasília, a cidade contagia. Brasília é filha do Otimisto” - Oswaldo Motenegro

No final da década de 1950 muitos pitanguienses contribuíram para a construção de Brasília dentre eles podemos citar o Dinho Caipora, João Lopes “Benzinho” Faria, os irmãos Caldas Dito, Mano e Márcio, Osvaldo Duarte, Toco Lobato, dentre outros ...


Por aqui os temporais e as tempestades, nos últimos anos, tem sido quase sempre frequentes !!!


"Céu de Brasília traço do arquiteto" - Caetano

"Beleza bonita de ver nada existe como o azul sem manchas do céu do Planalto Central E o horizonte imenso aberto

sugerindo mil direções" - Toninho Horta


Hoje muitos pitanguienses moram por lá, podemos citar: Rosalina Firmino, José Wilson Silva, Emerson Máximo Pereira, Messiinha Jiló, Sandro Tavares, os irmãos Rachid Cançado, Inácio, Clélia e Irinha, nosso companheiro blogueano Léo Morato e dentre muitos outros ...

Foto satélite do plano piloto

Fonte - Revista Veja

Fotografias - Léo Morato, satélite IkonosSpace Imaging do Brasil / Geoeye, Mario Fontenelle, Jean Manzon


6 comentários:

  1. Excelente postagem meu caro!!! Me sinto homenageado também. Levo Pitangui no coração por onde eu passar, mas como um novo Candango, aprendi a amar essa cidade. Um abraço.

    ResponderExcluir
  2. Bela postagem Dênio. Os 50 anos da capital federal não poderiam passar batidos por aqui.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Hoje, numa conversa com o Mundinho Firmino, ele me relatou que o primeiro caminhão a descarregar material de construção para a construção da UNB, foi o caminhão dele. Ele na direção e mais uns quatro candangos no descarregamento. Relatou também que uma das maiores alegrias que ele trás na memória é de ter sido cumprimentado por Juscelino e o presidente ainda lhe serviu um cafezinho !!!!

    ResponderExcluir
  4. Brasília, "lugarzin" brasileiro que sou doido pra conhecer.

    ResponderExcluir
  5. https://www.youtube.com/watch?v=ZXAGYQBMp2E
    Documentário: Pitanguienses em Brasília e os 300 anos!!!

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar nossa postagem. Ah... não se esqueça de se identificar.