Seguidores

terça-feira, 15 de junho de 2010

A religiosidade pitanguiense

No domingo dia 13 de junho, dia de Santo Antônio, foi celebrada uma missa campal em frente a Capela da Penha. Com a participação de pitanguienses de toda parte da cidade, a celebração teve início com a chegada da procissão, foi animada por um bonito coral e, ao final, houve a distribuição do pão de Santo Antônio (conhecido como o santo casamenteiro).


Fotos: Leonardo Morato.

Após a missa, a Lira Musical Viriato Bahia fez uma apresentação que iniciou a barraquinha (ao lado da 1ª casa de Pitangui) onde foram comercializadas comidas típicas, pela comunidade do bairro da Penha.



Não tivemos maiores detalhes sobre a organização da festa (queima da fogueira e o levantamento do mastro), mas a religiosidade do povo pitanguiense, foi o ponto alto da celebração.

4 comentários:

  1. Léo,
    as manifestações religiosas em Pitangui são marcadas pla religiosidade do povo que sempre comparece aos festejos e celebrações.
    Parabéns pela postagem.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  2. É verdade meu caro! E o mais interessante é que a beleza está na simplicidade e originalidade das celebrações. Valeu!

    ResponderExcluir
  3. Prezados,

    Compartilho com a opinião de vocês, também acho que as manifestações religiosas são as mais importantes de nossa cidade.
    Elas têm o poder de reunir em um só local pessoas de todos os níveis sociais, isso é pra mim é incrível!!
    Nos dois últimos finais de semana, ocorreu a segunda edição da nossa " Barraquinha da Penha",
    tive a oportunidade de comparer em dois dias,mas uma coisa me chamou a atenção,que banheiros são aqueles??? Além de serem poucos, altamente poluidores!!!!Meus amigos, não vamos nos esquecer que no mínimo temos que ter infra-estrutura!!!!Tomara que nossa secretaria de Meio Ambiente tome alguma atitude, pois não podemos fazer "vista grossa" com tamanha agressão ao meio ambiente!!!

    Abraço,

    Geraldo Morato

    ResponderExcluir
  4. Caro Geraldo,
    seja bem-vindo ao blog.
    É lamentável o que nos relata, não estive nesta edição da festa, mas no ano passado já havia percebido a precariedade das instalações sanitárias do local.Sugiro que também encaminha este problema à Câmara Municipal de Pitangui para que os membros do legislativo municipal se manifestem a respeito.
    Contamos com sua presenç mais vezes nos comemtários deste blog.
    Abraços.

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar nossa postagem. Ah... não se esqueça de se identificar.