Seguidores

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Caminhando com a História de Pitangui 2004

O Presidente da Câmara Municipal, o vereador Alexandre Barros, nos enviou algumas fotos de seu acervo sobre o "Caminhando com a História de Pitangui" de 2004, evento que tive a oportunidade de participar. O "Caminhando com a História de Pitangui" fazia parte do calendário comemorativo do aniversário da cidade e buscava exaltar o passado do município, assim como seus ilustres filhos, que marcaram seus nomes na História do Brasil.
A população se envolvia com muita alegria nos preparativos da caminhada. Em vários pontos da cidade era encenado um acontecimento histórico ou se reproduzia os costumes de outras épocas, como podemos observar nas duas fotos abaixo, que apresenta o tradicional footing nos jardins públicos da cidade.






As raízes coloniais não poderiam ser esquecidas, no adro da Igreja de São Francisco concentrava uma grande quantidade de pessoas que esperavam o início do evento, que acompanhavam atentos.




Em 2004, a culminância do "Caminhando com a História de Pitangui"
foi na Praça do Bandeirante, na Penha, em frente à capela.


Na foto abaixo, uma representação da movimentação do Clube Dramático Pitanguiense, que promovia a montagem de várias peças na cidade, na virada do século XIX para o século XX.








Na foto acima, dramatização no adro da Igreja Matriz de Nossa Senhora do Pilar.


Abaixo, casarão onde viveu Padre Belchior,conselheiro do imperador D. Pedro I,
e deputado constituinte em 1823. Na sacada, Padre Belchior e D. Pedro I.
O professor Adelmo fez o papel do imperador.




Acima, caracterização de bandeirantes desbravadores do sertão oeste de Minas Gerais e fundadores de Pitangui. O professor Carlos Wagner é o bandeirante da esquerda.

7 comentários:

  1. Adelmo como dom pedro!? o velho deve tá se contorcendo no tumulo, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    seja bem vindo.
    Meu caro incrédulo, o professor Adelmo desempenhou muito bem o papel de D. Pedro...rsrs
    Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Sinceramente, por mim nem publicávamos comentários anônimos (ou sob falsos pseudônimos) cuja intenção é denegrir ou em nada contribuir... Este é um espaço sério, imparcial e que busca valorizar Pitangui. Todas as matérias e ou pessoas aqui divulgadas também contribuíram ou são uteis para a cidade. Então caro(a) anônimo(a) respeite o trabalho alheio! Se quiser discutir ideias e se tiver algo de bom para contribuir com Pitangui, as portas do blog estarão sempre abertas.
    Meu cordial abraço.

    ResponderExcluir
  4. Bela postagem Licínio!
    Gratos pelas fotos Alexandre!
    A história de Pitangui continua a acontecer todos os dias.

    ResponderExcluir
  5. Queridos amigos Léo, Licíno e Dênio o que eu puder ajudar contem comigo, vocês estão de parabéns!!!!

    ResponderExcluir
  6. Olá Alexandre,
    agradecemos a colaboração e não dispensaremos sua ajuda para nossos futuros projetos.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  7. OLÁ!SOU MORADORA DE PITANGUI HÁ 21 ANOS E ESTUDEI TEATRO EM BH POR 4 ANOS.AGORA QUERO PASSAR O QUE APRENDI PARA QUEM SE DISPÔR ATUAR COMIGO.VOU FAZER UMA OFICINA AQUI NA CIDADE E DEPOIS DESTA OFICINA PRETENDO FAZER UM FESTIVAL DE TEATRO.
    E AÍ QUEM TOPA FAZER PARTE DESSE MEU PROJETO?
    BJ GLEICE

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar nossa postagem. Ah... não se esqueça de se identificar.