Seguidores

sábado, 25 de setembro de 2010

Programa Peixoto JR. (1ª parte)


Zé Luiz Peixoto. Foto Léo Morato.

Quem não se lembra do Programa Peixoto Jr. que ia ao ar todos os sábados para embalar as tardes, na Rádio Comunitária de Pitangui?! Quem conhece irá recordar com alegria e pra moçada mais nova, que não teve a oportunidade de acompanhar o Programa, vale a pena conferir. Havíamos combinado com o Zé Luiz de aguardar as fotos dessa história recente de Pitangui para divulgar a postagem. Mas, tomados por um agradável saudosismo neste sábado, resolvemos divulgar a partir de agora, 13 horas, a história do Programa, vivida por seus protagonistas, a dupla dinâmica Cézar Caldas e Zé Luiz Peixoto. Então, boa tarde, está no ar (aqui no blog) mais um Programa Peixoto Jr.


************************

COMO SURGIU
(Por Zé Luiz Peixoto)

"Aprendi a gostar de rádio ainda criança, naquela época a família se reunia na sala pra escutar os sucessos da época de ouro do rádio : Hora do Brasil, o Balança mais não Cai, a novela Direito de Nascer, futebol (saudades do meu Fogão com Garrinha e Cia) e por ai a fora. Esse gosto, essa paixão pelo rádio continua até hoje. Em casa, no carro, no trabalho estou sempre com um radinho ligado durante todo o dia e a noite também, para o desespero da minha esposa. Em casa tenho um radinho em cada canto, ligado na Itatiaia, Inconfidência ou CBN.
Um dia viajando com o parceirinho Cezar, a gente comentava a respeito da necessidade de Pitangui ter uma emissora de rádio. Se Pompeu, Pará de Minas, Nova Serrana, Divinópolis, Bom Despacho e outras localidades próximas tinham a sua, por que Pitangui não poderia ter a sua emissora de rádio...Conversa vem, conversa vai, eu disse a ele que um dos meus sonhos era um dia apresentar um programa de rádio, que tocasse única e exclusivamente MPB e que fosse 100% voltado para Pitangui e pra nossa gente. Um programa que falasse dos acontecimentos da cidade, que valorizasse o talento pitanguiense, um programa de entrevistas, um espaço em que o povo pudesse opinar livremente, dar sugestões, um programa de críticas e elogios, enfim um programa cidadão.
Coincidência ou não, passados alguns dias as associações da cidade, juntamente com os Clubes de Serviço, Maçonaria, Igreja Católica, Igrejas Evangélicas e alguns bravos voluntários, deram início a um movimento, que culminou mais tarde com a instalação da Rádio Comunitária 105 FM.
E com o ínicio da era do rádio em Pitangui, através da Rádio Comunitária 105 FM, surgia o primeiro programa de rádio de Pitangui, o “Programa Peixoto Júnior”, um trabalho de absoluta doação da dupla de parceiros: Zéluiz/Cezar Caldas, 100% voluntário, que ficou no ar durante 13 anos, sempre aos sábados de 13 as 15 horas.

Cezar e Mano Caldas. 07/08/2010.
Foto: Edilson Lopes.

E tudo aconteceu muito rapidamente... Lembro-me como se fosse hoje, eu estava no “Varandão”, numa manhã sábado curtindo uma cervejinha, quando chega o Cezar e me pede para acertar a conta rapidamente que ele ia me mostra uma grande novidade.
Fomos direto para os fundos Centro Social, onde havia um depósito de material do finado Clube. Para meu espanto, havia no local uma cama, um guarda roupa, uma mesa com um microfone e uma parafernália completa de som, alguns CDs e vários LPs. Sem saber direito do que se tratava o Cezar foi curto e grosso comigo: senta ai e escreve pra não esquecer: Boa Tarde....Essa é a 105,7 FM – Rádio Comunitária FM de Pitangui, apresentando o Programa Peixoto Júnior, olha pro seu relógio e diz as horas e eu entro com a música. Anotei tudinho, ainda sem entender nada e de repente, na porrada e me diz: Prepara ai... vai entrar no ar em 2 minutos.... Fiquei loco, as pernas tremiam, uma suadeira danada...Como entrar no ar... Você ta louco....eu no rádio assim? Sem preparar nada!!!! E bem ao seu estilo ele foi logo dizendo, semana que vem você prepara, hoje é no improviso... se vira!!!!
E assim surgiu o primeiro programa de rádio de Pitangui – Programa Peixoto Júnior, nos idos de 1996, por ai.... Lembro-me muito bem do primeiro telefonema de ouvinte....Era a “Olga da Bia”, elogiando a voz do aprendiz de locutor e pedindo uma música do Roberto Carlos. Foi muito legal....Valeu Olga...
E daí pra frente o Programa foi ganhando corpo e se agigantando na audiência, afinal era uma grande novidade na cidade. Eu cuidava das matérias, da produção de textos e da locução e o parceirinho Cezar, da direção musical, foi assim o Programa Peixoto Júnior durante 13 anos. A gente deixava tudo pelo Programa Peixoto Júnior, que na verdade começava ser elaborado com muito carinho a partir de quinta-feira, assim o nosso final de semana começava pra valer às 15 horas de sábado. O Programa foi durante os 13 anos de atividade prioridade absoluta em nossas vidas, quantas farras, quantos passeios, quantos bons programas foram deixados de lado, tudo para estarmos inteiros aos sábados de 13 as 15 horas frente aos microfones da 105 FM".

Aguardem a 2ª parte.

4 comentários:

  1. Oi Léo,
    resgatar a memória do rádio em Pitangui é bastante lovável, ainda mais com a história destes dois precursores.
    Parabéns ao Luiz Peixoto e Cézar Caldas, que movidos pelo idealismo fizeram um snho se tornar realidade.
    Dar espaço a legítima música brasileira é também preservar a cultura de um povo.
    Aproveito para deixar meu protesto em relação às atuais programações de rádio:
    MAIS MPB E MENOS LIXO EM NOSSOS OUVIDOS!
    Abraço a todos.

    ResponderExcluir
  2. Valeu Licínio! Eu também sou fã do trabalho dessa dupla! Vale ressaltar também que Pitangui faz escola em si tratando de bons locutores(temos grandes profissionais, que divulgaremos aos poucos por aqui). Mas concordo com você, quem gosta da boa e velha MPB tá um pouco órfão... além do Programa Peixoto Jr. eu não perdia o Jazz da Noite (do Carlos Vagner) que ia ao ar todas as segundas as 10 da noite.
    No sábado sai a 2ª parte dessa postagem.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  3. Olá Leonardo e Licínio,gostei desta reportagem,só não entendi por que ´não existe mais a rádio em Pitangui.Seria mais uma maneira de divulgar nossa terrinha,assim como vocês fazem com o blog.Mas vou aguardar segunda parte. Um abraço, Maria da Conceição F.Lopes

    ResponderExcluir
  4. Olá Conceição! Gratos pela visita.
    Na verdade foi o Programa Peixoto Jr. que não é realizado mais. Se não me engano existem duas rádios em atividade hoje.
    A segunda parte da história do Programa P.jr. será divulgada no sábado.
    Um abraço.

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar nossa postagem. Ah... não se esqueça de se identificar.