Seguidores

sábado, 22 de janeiro de 2011

A Rua Pe. Belchior


Casarão colonial português.

Por algumas vezes já mencionamos aqui no BLOG sobre a diversidade de estilos arquitetônicos das edificações do centro histórico de Pitangui. Na tarde chuvosa do domingo dia 2 de janeiro, para aproveitar o tempo ocioso, fomos apreciar as belezas dessas construções e bater um papo com os amigos que encontramos pelo caminho. Hoje o foco vai para os detalhes da charmosa rua Padre Belchior.

As calçadas.


A tranquilidade de uma tradicional rua pitaguiense.


Os detalhes das fachadas e janelas.


Seguindo pelo rua.



A árvore de Natal parece "zelar" pelo casarão onde morou o Pe. Belchior.



Fotos: Leonardo Morato.

2 comentários:

  1. "Minas são muitas", falou Guimarães Rosa."Minas, tantas há por aqui, subterrâneas ou à flor da pele", declara, com mansa doçura, Adélia Prado. Nesse baú de tesouros à vista d'olhos que são as cidades históricas, Pitangui é uma joia, rara e única. Para quem está longe, basta olhar as fotos dos casarões da Rua Padre Belchior...

    ResponderExcluir
  2. É verdade caro Emílio, Minas são muitas... E o melhor são as sensações que elas (as Minas Gerais) nos proporcionam. Os frutos dos quintais, os sabores do fogão à lenha, as alvoradas, as serestas as conversas sob as luminárias. Isso é assunto pra mais de metro e Pitangui é uma boa opção. Grande abraço.
    Leonardo.

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar nossa postagem. Ah... não se esqueça de se identificar.