Seguidores

terça-feira, 31 de julho de 2012

"Daqui de Pitangui" no Prêmio do IPHAN

Às vésperas de completarmos três anos de estrada (agora em agosto), com satisfação tornamos público que o Blog Daqui de Pitangui está participando do Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade - IPHAN / Ministério da Cultura, edição2012. Acreditamos que o trabalho de resgate histórico, de conscientização e promoção cultural e de divulgação de Pitangui - que vem sendo desenvolvido com a importante colaboração de muitos - se enquadra nos parâmetros do Prêmio. Portanto, trabalhamos focados durante o mês de junho para a elaboração e adequação do projeto do Blog aos requisitos do edital. Representar Pitangui e atrair olhares apurados para a Sétima Vila do Ouro das Gerais já é motivo para comemorar! Almejamos que esta iniciativa possa somar às ações da sociedade, pessoas e instituições pitanguienses que vêem trabalhando para projetar Pitangui rumo aos 300 anos e para colocar a cidade nos trilhos do turismo histórico cultural. Agora é torcer e aguardar!



 Outros olhares sobre a Sétima Vila do Ouro das Gerais.


O IPHAN e o Prêmio

Há exatos 25 anos o IPHAN – Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional realiza o Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade. Principal reconhecimento às iniciativas culturais no Brasil, o Prêmio foi criado em 1987 em reconhecimento a ações de proteção, preservação e divulgação do patrimônio cultural brasileiro e está dividido em sete categorias: Promoção e comunicação; Educação patrimonial; Pesquisa e inventário de acervos; Preservação de bens Móveis; Preservação de bens Imóveis; Proteção do patrimônio natural e arqueológico; e Salvaguarda de bens de natureza imaterial. O Prêmio leva o nome do jornalista mineiro que foi o primeiro presidente do IPHAN (autarquia vinculada atualmente ao Ministério da Cultura). O advogado, jornalista e escritor Rodrigo Melo Franco de Andrade nasceu em 1898, em Belo Horizonte, Minas Gerais. Foi redator-chefe e diretor da Revista do Brasil e iniciou-se na política como chefe de gabinete de Francisco Campos, no Ministério da Educação e Saúde Pública criado em 1930 no governo Getúlio Vargas. Integrou o grupo de artistas e intelectuais modernistas que trabalhavam no Ministério no período de Gustavo Capanema (1934-45), quando se tornou o maior responsável pela consolidação jurídica do tema Patrimônio Cultural no Brasil e pela criação do atual IPHAN em 1937, tendo comandado o órgão daquele ano até 1968.
Fonte: www.iphan.gov.br

13 comentários:

  1. Caro Léo,
    quero parabenizá-lo pela iniciativa. Nosso trabalho vem ganhando repercussão e é justo pleitearmos este prêmio.
    Estamos torcendo desde já.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu professor! É preciso lançar as sementes de boas iniciativas para que Pitangui possa, quem sabe,colher os frutos de reconhecimento. Abração.

      Excluir
  2. Caros amigos, o simples fato de estarem participando já mostra a importância do Blog para nossa querida Pitangui.

    A divulgação de nossa história e nossa cultura contribui de forma positiva para que seja incrementado, ainda mais, esse tesouro que se chama turismo.

    Como diz o escritor e jornalista Eduardo Bueno: “Povo que não conhece sua História está condenado a repeti-la”.

    Em relação às ações de adequação, caso ainda precisem de alguma colaboração, estou á disposição.

    Uma abraço, parabéns a todos e espero que sejam premiados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo incentivo caro Giovanni! O seu trabalho támbém contribui muito para a divulgação da nossa cidade. Ficamos felizes por participar, mas se o prêmio vier, quem ganha é Pitangui. Vamos trocar ideias. Um abraço.

      Excluir
  3. Mais uma vez, parabéns ao Daqui de Pitangui, tanto pelo nobre trabalho cotidianamente realizado quanto por sua inscrição no Prêmio IPHAN / Rodrigo Mello Franco de Andrade.

    Reconhecidamente, esta equipe desempenhou papel pioneiro, creio sendo das primeiras a utilizar a blogosfera como ambiente propício para ações de valorização, divulgação e preservação da memória, no caso da "sétima vila do ouro".

    Em tempos de Olimpíada, torço para que, como prêmio, o ouro volte em medalha e mérito para Pitangui.

    Parabéns e um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande Emílio, obrigado pela força e pela parceria! No ano que vem, no centenário de SJDR será um grande presente para a cidade a participação do http://diretodesaojoaodelrei.blogspot.com.br/
      no referido prêmio. Já fico na torcida, meu amigo.
      Valeu!

      Excluir
  4. Tal como os torcedores que levam faixas aos estádios, estendo aqui minha bandeira com os dizeres "eu já sabia". Eu sabia que este importante trabalho voluntário pela divulgação da História (e das histórias) de Pitangui para o mundo seria reconhecida por gente de peso. Parabéns! Se eu puder ajudá-los, contem comigo também. Boa sorte!

    ricardowelbert.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Welbert, muito obrigado pelo apoio ao longo destes 3 anos! Demos o 1º passo ao inscrever o trabalho do Blog, por Pitangui! Agora é aguardar e continuar a caminhada. Um abraço.

      Excluir
  5. Parabens...vocês merecem!
    Que o sucesso continue!

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Ricardo Mendes! Valeu pela força e pela presença!

      Excluir
  6. Fico lisonjeado de ser Pitanguiense e de ser amigo de vcs, parabéns!

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar nossa postagem. Ah... não se esqueça de se identificar.