Seguidores

quinta-feira, 26 de julho de 2012

Pitanguienses mundo afora

Direto do front, nos chegam mais  fotografias e notícias dos meninos pitanguienses que estão percorrendo trilhas e caminhos bolivianos e peruanos. A aventura começou no dia 13 de julho e irá até o final do mês.


Percorrendo os becos e ruelas das cidades








Numa mensagem postada pelo Víctor Hugo no facebook, ele disse o seguinte : "Qual a probabilidade de se subir uma montanha a 5.500 metros de altitude na Bolívia e deparar-se com uma "Marcela Pitangui" em um resto de parede ? e finaliza ... Pitangui dominará o mundo !!! Posteriormente, a mensagem foi respondida a ele pela pitanguiense Marcela Ortiz, que realmente esteve naquela paragem.
 "São dois pra lá, dois pra cá" 
Aventurar é muito bom, mas tem hora que o corpo pede arrego 
e nada melhor que tirar um cochilo entre uma etapa e outra.
 


Ricardo e Wilsinho com os nativos 


Que Cusqueña é essa que tem que misturar folhas nela ?!?! Me lembrou uns versos do nosso saudoso Bocão que diz assim 
:
"... Mas os meus fios já estão tudo criado todos eles me ajudam um bocado ... o Gerardo mexe com uns matinhos e uns pozinhos que eu não sei o que que é ... mas eu num posso me queixar"


 Provavelmente estavam comemorando uma das vitórias do Atléticano Mineiro.

 
Caminhada longa até o destino ... força moçada !!!









Antes de chegar à Machu Picchu, uma parada em Águas Calientes...








Enfim,


Machu Picchu







Wilsinho meditando frente à cidade Inca e o Saul com a bandeira mineira, demarcando o espaço. Faltou a bandeira de Pitangui Saul ... Mas essa tenho certeza que eles a levaram no peito !








Como o lema definido pelos meninos foi a aventura, nada melhor do que despencar dos 5.500 mts de altitude, num vertiginoso downhill, pela famosa Estrada da Morte que corta a cordilheira.




Aos meninos, os nossos parabéns pela coragem e disposição demonstrada e em cada um ficará o gostinho de quero mais e outras aventuras, com certeza, virão e nós do daquidepitangui estaremos a postos para mostrar os próximos passos da moçada. Para finalizar a postagem, vai aí a letra de uma música de Milton Nascimento e Ronaldo Bastos, que bem descreve o sentimento e o espírito vivido pelos aventureiros pitanguienses nesta trama.


  
Nada Será Como Antes

Eu já estou com o pé nessa estrada
Qualquer dia a gente se vê
Sei que nada será como antes, amanhã


Que notícias me dão dos amigos?
Que notícias me dão de você?
Alvoroço em meu coração
Amanhã ou depois de amanhã
Resistindo na boca da noite um gosto de sol


Num domingo qualquer, qualquer hora
Ventania em qualquer direção
Sei que nada será como antes amanhã


Que notícias me dão dos amigos?
Que notícias me dão de você?
Sei que nada será como está
Amanhã ou depois de amanhã
Resistindo na boca da noite um gosto de sol



As fotos da postagem foram sacadas do facebook dos aventureiros e do site mdig.com.br

4 comentários:

  1. Boa postagem Dênio Caldas! Um verdadeiro diário de viagem dos nossos amigos pitanguienses mundo afora!!! E a música encaixou muito bem... Abraço.

    ResponderExcluir
  2. Adorei o relato. Que belas paisagens e culturas registradas pelos nossos conterrâneos, em busca de aventuras e novas descobertas. Que lugares cheios de misticismo e magia... confesso que viajei nas fotos!
    Parabéns pela postagem!

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar nossa postagem. Ah... não se esqueça de se identificar.