Seguidores

sábado, 22 de fevereiro de 2014

Doc. Pitanguienses em Bsb


 "Lembro da hora do ângelus, às 6 horas na matriz, quando esperávamos meu pai na entrada do beco". William Santiago.
 
As entrevistas para o documentário sobre os Pitanguienses em Brasília já estão praticamente concluídas e foram surpreendentes. A diversão e o improviso se fizeram presentes nas diligências com o parceiro William Santiago pelo Distrito Federal, após o trabalho e nos finais de semana. Nem todos os conterrâneos procurados sentiram-se a vontade para registrar suas  histórias, lembranças e perspectivas sobre os 300 anos, mas nos incentivaram e a ligação com a terrinha estava estampada no olhar, na voz embargada, no pensamento.
 
"Os blocos e as fantasias de carnaval nasciam lá em casa. Os desfiles das escolas eram lá na rua. Pitangui? É tudo... posso cantar o hino aqui?" Betinho Giriza.
 
Agora começa a parte difícil, com a edição do documentário, sob a  tarefa de resumir o registro das memórias e de grandes histórias de vida. Fica a dúvida se apertaremos o PLAY e deixaremos rolar, ou se, quem sabe o trabalho seja dividido em capítulos!
 
"Saudade da Mata do Céu e do Cariru, onde cresci". Marcus Vinícius.
 
A certeza é que fizemos novos amigos, conhecemos e relembramos histórias e nas entrevistas, Pitangui está em evidência. Já foi pensado em um encontro dos Pitanguienses em Brasília, uma caravana para os 300 anos e uma segmentação da SAP no Planalto Central.

 "Pitangui é a capital do mundo, é melhor do que Beverly Hills...". Messias - Jiló.

 "Lembrança do tempo de infância em Pitangui..."
Sandro Tavares (primo, amigo e companheiro de labuta em Bsb).


 "Saudade dos bailes e das serenatas, onde tinha a turma que cantava e tocava e o pessoal que dormia cedo, esperando ser acordado pela serenata". Regina Vasconcelos.
 
Então, mão na massa para concluir o projeto. Até breve!
 
 
CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO PARA OUVIR A MÚSICA.

https://www.youtube.com/watch?v=anXjixP_UTU
 Outro olhar sobre a capital - quase que me sinto em casa.
Fotos: Léo Morato e William Santiago.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar nossa postagem. Ah... não se esqueça de se identificar.