Seguidores

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Os 300 de Pitangui



E por falar nos 300 anos de Pitangui, foram nomeadas Comissões para o desenvolvimento dos trabalhos históricos, culturais e sociais afins. Em janeiro noticiamos o evento promovido pela Comissão da Religiosidade, que abriu oficialmente os trabalhos do tricentenário. Na postagem de hoje divulgamos um vídeo sobre o evento, produzido pelo Renato Miranda, com a participação do Paulo Miranda, que tem sido frequente aqui no Blog Daqui de Pitangui. O documentário além de resumir fielmente o que foi a celebração constitui-se como um documento histórico para as futuras gerações. Viva a produção cultural made in Pitangui! 

2 comentários:

  1. Lindo,emocionante , nossa historia sendo resgatada ....Viva a Cultura e a historia de nosso passado....

    Angelica Xavier

    ResponderExcluir
  2. O título desse filme, suscitado pelo Renato, remete a uma interessante coincidência entre o marco do tricentenário de Pitangui e um filme dos anos 60, que marcou época nos ainda áureos tempos do cinema: Os trezentos de Esparta. É ocioso se estender sobre o enredo dessa película, encontrável googleanamente em várias fontes, mas ele simboliza a resistência de um bravo e digno povo à dominação estrangeira - coisa que é ainda objeto de muita luta, sob variado enfoque. A divida externa, muito mais do que a hidra de Lerna, é uma de suas mais cruéis facetas.

    Paulo Miranda, BH

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar nossa postagem. Ah... não se esqueça de se identificar.