Seguidores

terça-feira, 28 de abril de 2015

Janelas do Tempo

Foto: Léo Morato.
 
 
Janelas do Nosso Tempo
 
No espaço demarcado o quadradro da lente
 vejo o passado no tempo presente
recortes ângulos esquadros
quantas histórias há dos dois lados
 
Lá dentro e lá fora
no vai e vem das horas 
percebo a cidade no ir e vir
 sob o convite para enxergar Pitangui
 
Subindo a ladeira um casarão defronte
e a serra contornando o horizonte
quintais varandas e um muro
do valor de hoje depende o nosso futuro
 
 
(Leonardo Morato 2015)




Foto: Léo Morato/Arquivo do Blog.

4 comentários:

  1. Morato, nesse sublime ato
    do tempo, desvenda a janela
    em seu poemar, a fato e boato
    a gente, ciente, logo se atrela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Longe de ser o Miranda
      busquei voz às imagens
      dos clicks nas paragens
      numa Pitangui que se anda

      Excluir
  2. Oi Léo. Que bom poder contar com o seu poema neste momento. Melhor ainda é poder enxergar com os seus olhos através desta janela, e descobrir novos ângulos de nossa Pitangui. Realmente o futuro NÃO só a Deus pertence, não concorda?
    Parabéns meu amigo por este "regalo". Zé Carlos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro ZÉ, o que me fascina na arte é a possibilidade de criar, sem regras, padrões, tabus, pré conceitos. E a fotografia é criação visão de mundo, registrando o presente, para o futuro. Um abraço.

      Excluir

Obrigado por comentar nossa postagem. Ah... não se esqueça de se identificar.