Seguidores

domingo, 27 de março de 2016

De volta as minas de Onça

Na tarde do último dia 25 de março voltamos mais uma vez as minas de Onça, dessa vez contamos com a ajuda de Patrícia Ribeiro que nos guiou pelos caminhos da área rural até o local onde se localiza a mina.
Percorremos boa parte do rego que leva água até a cascata de Onça no sentido oposto ao da cidade. A mina se encontra em um barranco na lateral do rego e pelas características não parece ter sido muito produtiva pois não é profunda. Possui a forma de um T com uma entrada de uns 5 metros e cada braço com cerca de 4 metros. Foi um passeio muito divertido com paisagens muito bonitas e já estamos pensando em organizar uma nova ida a Onça para conhecer suas riquezas históricas. Os interessados podem entrar em contato através desse blog.

Planejando o passeio - Foto: Nicodemos Rosa

Cláudio Faria, Vandeir, Patrícia Ribeiro, Barrica, Vandico e Angelita
Foto: Nicodemos Rosa

Entrada da mina - Foto: Nicodemos Rosa

Vandeir, Cláudio e Agostinho Luciano entrando na mina.
Foto: Nicodemos Rosa

Agostinho Luciano dentro da mina - Foto: Cláudio Faria

Vandeir Santos dentro da mina - Foto: Cláudio Faria

Vandeir, Cláudio e Agostinho Luciano na boca da mina
Foto: Nicodemos Rosa

Cláudio, Nicodemos e Agostinho Luciano 
Foto: Vandeir Santos

Cláudio, Patrícia, Nicodemos, Vandeir e Agostinho Luciano
Foto: Vandeir Santos

Tentando uma foto bacana.
Foto: Nicodemos Rosa

Vandeir Santos








6 comentários:

  1. Por uma onça de ouro
    o quanto não se mineirou
    à caça dum esconso tesouro
    que a tantos ludibriou...

    O meu velho tio José
    e também meu tio Chico
    aí picaretaram com fé
    mas nada de achar veio rico...

    ResponderExcluir
  2. Hahaha! Eu acho que esses caras, faltam muitos parafusos na cabeça, pela coragem que demonstram nessas aventuras! Mas percebi que são "gente boa", e cultos, conhecedores da história. Eu me diverti bastante, participando (apenas como observador é claro!) desta minha primeira "Expedição" na caçada de Minas e Tesouros. Estou até me inscrevendo pra disputar a vaga de Cinegrafista Oficial desses "Indianas Do Século XXI"! (Fora das Minas é claro! Afinal todos os meus parafusos ainda têm travas parlock, nas porcas! kkkkk)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse homem só tem tamanho, chega na boca na mina e amarela. Da próxima vez vamos querer fotos DENTRO da mina

      Excluir
  3. Garimpando História nas entranhas de Minas...
    Parabéns pelo ânimo e pelas fotos!

    ResponderExcluir
  4. Wsap 999476152 Antônio Carlos Gonçalves sou detector e gostaria de ir no próximo passeio.

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar nossa postagem. Ah... não se esqueça de se identificar.