Seguidores

sexta-feira, 5 de agosto de 2016

O 7º ano do Daqui de Pitangui

 Kissone, Denise, Vandeir, Licínio, Rosenice, Nino, Pedro, Nágela e Ricardo Caldas.

 Hoje é uma data importante para o Blog Daqui de Pitangui, por marcar o sétimo ano da existência deste projeto. Entre as experiências vivenciadas, buscamos manter o propósito inicial de lançar outros olhares sobre a Sétima Vila do Ouro das Gerais. 


 A Angélica Xavier também veio prestigiar o encontro.

Para comemorar a data nos reunimos informalmente, no sábado, 30 de julho no Bar do Nino, para colocarmos a prosa em dia enquanto apreciávamos os comes e bebes da  casa. Na ocasião contamos com a presença de amigos que acompanham e participam  do trabalho do Blog.


 Barrica autografando o seu livro De Gol em Gol, lançado recentemente.

 Léo Morato, Nicodemos Rosa e Jorge Guerra.

 Nino's Bar.
Agradecemos aos amigos e leitores do Blog que prestigiam e reconhecem os nossos esforços por Pitangui e ao Nino que disponibilizou o Bar que vem se constituindo como um importante espaço cultural da cidade. Entre as pesquisas e matérias que iremos preparar durante esse novo ano, quem sabe sai um livro?

Paulo Henrique Lobato, Barrica e Jorge.
Fotos: Equipe do Daqui de Pitangui.

4 comentários:

  1. Ainda nessa tenra infância
    o blog mostrou seu valor
    e nos livrou da ignorância
    com seu viés revelador

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me sinto orgulhoso
      deste projeto com pluralidade
      Senão é até perigoso
      Se um pensamento for unanimidade

      Excluir
  2. Parabéns pra vocês blogueiros! Perdoem o fato de que eu cheguei atrasado, e nem sabia direito, onde era o Bar do Nino! KKKK - Devagar comigo, ainda estou em atualização! Estar na companhia dos amigos foi muito bom!

    ResponderExcluir
  3. Natural e espontâneo o encontro foi bacana não é NIKO(n)!? Também cheguei em cima da hora. Obrigado pela parceria e amizade que vem antes do tal de facebook. Um abraço.

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar nossa postagem. Ah... não se esqueça de se identificar.